Cabelos Oleosos - Cuidados, Tratamento, Mitos x Verdades

Oii meninas, como vocês estão?
O que vão fazer de gostoso no final de semana? 
Ahh, obrigada a todas que responderam o questionário. É muito difícil fazer pesquisa, é uma coisa muito trabalhosa, por isso não me custou nadinha divulgar o questionário aqui no blog para ajudar. Se você está lendo isso só agora, no post abaixo eu explico certinho. Dá um pulinho ali pra ler do que se trata?


O assunto de hoje, minhas queridas, é cabelo oleoso. Muuuuuuita gente tem, é feio, incomoda e dá trabalho para cuidar. Mas... cuidar de que jeito? Com o que, quais produtos?
Uma moça que trabalha com minha irmã, que também lê o Linda GG (não me lembro seu nome agora, mas assim que lembrar, venho aqui dizer), sugeriu o tema e eu achei bastante interessante. Fui, então, pesquisar, e achei bastante coisa boa para trazer ao Linda GG. Vamos ler sobre?
 






O excesso de oleosidade ocorre quando as glândulas sebáceas produzem uma quantidade de oleosidade maior do que a necessária. Este problema pode ainda ser piorado devido a alterações hormonais ou estresse. Os cabelos nem secaram direto e o efeito oleoso já pode ser visto a distância. Ele acaba com o volume, deixa um aspecto gorduroso e deixa o visual desleixado.
A excessiva oleosidade capilar tem sido apontada com frequência como um importante causador de queda de cabelos. A limpeza adequada e a correta estimulação do metabolismo capilar são aliados fortes no combate à queda. Quem sofre com a oleosidade excessiva nos fios enfrenta tudo isso diariamente e ainda tem de lidar com os palpites dos conhecidos, indicando maneiras de aliviar o problema.
 O difícil mesmo é encontrar uma receita que funcione. Não adianta inventar muito, para diminuir a oleosidade dos cabelos é preciso lavar todos os dias, além de usar produtos específicos, como xampus adstringentes e cremes que esfoliam os fios e o couro cabeludo , afirma o cabeleireiro André de Leone, do Studio Prime Hair e Beauty. O especialista também acrescenta que deixar os mitos de lado contribui para que você não perca tanto tempo seguindo dicas que não funcionam.

Cuidados
  • Procure manter os cabelos sempre soltos, evitando o uso de boinas, lenços, toucas ou chapéus que possam impedir a ventilação do couro cabeludo.
  • Não passe as mãos ou escove muito os cabelos. Evite também massagens no couro cabeludo. Esses são hábitos que estimulam a produção de óleo.
  • Lave os cabelos diariamente: limpeza é fundamental.
  • Use xampus adstringentes, com pH neutro ou os específicos para cabelos oleosos. O ideal é alternar.
  • Use xampu anti-resíduo ou esfoliante capilar uma vez por semana.
  • Ao passar máscaras hidratantes, condicionadores e leave-in, passe sempre da metade da raiz até as pontas: jamais passe no couro cabeludo.
  • Evite água quente, pois a alta temperatura resseca os cabelos e, por isso, estimula a produção de mais oleosidade.
O ideal é usar um produto que cuide da raiz ao fio de cabelo contribuindo na desobstrução de pequenas partículas de gordura acumuladas no folículo piloso, e que nutra adequadamente o bulbo capilar. A formulação dos xampus deve proporcionar limpeza sem agressão à estrutura dos fios dos cabelos oleosos.

Causas

A causa desse problema é de ordem genética, mas alterações hormonais e estresse podem agravar o problema. A oleosidade se dá pela produção de glândulas sebáceas que normalmente entram em hiperatividade por alguma disfunção endócrina ou até mesmo por um processo de atividade exacerbada por fatores genéticos.

Tratamento

Para se livrar desse incômodo constante e diário, o recomendado é procurar uma clínica especializada em tratamento capilar para que o terapeuta possa analisar o couro cabeludo. A oleosidade excessiva, quando genética, não tem cura: por isso é recomendado um tratamento para controlá-la.
No mundo da cosmética já existem xampus e loções indicados especificamente para esse tipo de cabelo. Eles removem os resíduos sem ressecar tanto os fios. Xampus anti-caspa também ajudam e, se o caso for grave, o dermatologista pode indicar também medicamentos via oral.

Produtos indicados


1-Senscience Specialty Shampoo

Shampoo eficaz que limpa profundamente o excesso de oleosidade do couro cabeludo enquanto repõe as proteínas perdidas e os lipídios, protegendo e hidratando o cabelo. Deixa o cabelo completamente limpo sem provocar acúmulo de resíduos. Remove de maneira eficaz resíduos de oleosidade do cabelo e do couro cabeludo enquanto ajuda a melhorar a condição do cabelo adicionando corpo. R$ 62,99

2- Wella Lifetex Balenced Anti-Grease

Shampoo para couro cabeludo oleoso. Limpa suavemente e controla o nível de oleosidade dos fios. Cabelos soltos, tratados e com um novo brilho. Um couro cabeludo oleoso é resultado da produção excessiva das glândulas sebáceas, que pode ser influenciada por fatores internos e externos como a poluição.R$ 48,00

3- Natura Ultraplant

Um shampoo anti-resíduos que limpa profundamente os fios e devolve a vitalidade aos cabelos sem ressecá-los. O produto combina ativos de gengibre e hortelã a uma fórmula exclusiva, com concentração maior de agentes tensoativos, responsáveis pela limpeza dos cabelos. R$ 8,90

4- Clean Intensy Amend

Limpa satisfatoriamente e remove os resíduos de produtos sem enxágüe e de poluição. Os cabelos ficam com equilíbrio natural de lubrificação, brilhantes e soltos. Contém: Extratos de Frutas Cítricas (Limão, Laranja e Tangerina). Sem sal. R$ 14,28

5- Pure resource LOréal Professionnel

Shampoo purificante para cabelos normais à oleosos. LImpa os fios removendo a oleosidade e os resíduos. R$ 39,00

6- Cabelos Oleosos Klorane


7- Kérastase Spécifique Bain Clarifiant

Shampoo regulador de longa duração para cabelos oleosos e com o couro cabeludo oleoso. Limpa e purifica o couro cabeludo oleoso, oferecendo uma sensação de frescor imediata. Proporciona vitalidade e leveza à fibra capilar, tornando os cabelos mais soltos e saudáveis. Também é ideal para remoção dos resíduos deixados por produtos. R$ 71,00

 Mitos X Verdades

Só cabelos lisos são oleosos: mentira. Geralmente os cabelos finos, lisos e com pouco volume tendem a ser oleosos. Mas cabelos grossos e cacheados também podem sofrer com o problema. A diferença é que as ondas e o frizz impedem que o sebo seja espalhado pelo comprimento dos fios, então ele se concentra na raiz. 

Lavar os cabelos todos os dias piora o problema: mentira. Só a lavagem pode diminuir a oleosidade natural dos fios. Lavando os cabelos todos os dias, o aspecto gorduroso diminui e a produção desse óleo pode rarear. 

Xampu adstringente ajuda a diminuir a oleosidade: verdade. O xampu adstringente apresenta uma maior quantidade de lauril, (agente que trabalha na extração de resíduos nos fios), que ajuda a diminuir a oleosidade dos fios. 

Passar a mão nos cabelos aumenta a oleosidade: verdade. Os resíduos presentes nas mãos aumentam a oleosidade dos cabelos, deixando-os mais sujos e consequentemente com um aspecto mais gorduroso. Se você não resiste, o ideal é mantê-los presos. 

Quem tem cabelo oleoso não pode usar leave-in: mentira. A oleosidade só aumenta se o produto for passado na raiz dos cabelos. Mas, quando passado do meio até as pontas, ele aumenta o brilho e deixa os fios protegidos contra o excesso de poluição e os raios ultravioletas.

Passar talco ajuda a disfarçar o problema: verdade. O talco tem o poder de disfarçar o efeito oleoso nos cabelos. Mas, de acordo com o cabeleireiro, a diferença não é muito grande e existem riscos do couro cabeludo apresentar alguma rejeição ao produto, havendo coceira, por exemplo. 

Cabelos oleosos crescem mais rápido: mentira. O crescimento dos cabelos está diretamente ligado ao DNA de uma pessoa. O fato de eles serem oleosos ou secos não interfere em nada. 

As caspas são características exclusivas dos cabelos oleosos: mentira. As caspas podem ser características de problemas do couro cabeludo em geral, e não necessariamente do couro cabeludo oleoso. Mas o excesso de sebo pode favorecer o aparecimento do problema, principalmente se houver resíduos de xampu e condicionador na cabeça. Secar os fios com o secador e evitar dormir com eles molhados contribui para diminuir a caspa. 

Lenços e bonés aumentam a oleosidade: verdade. Quando o couro cabeludo é abafado, acontece um aumento da produção natural do óleo. Quem já apresenta o problema deve evitar o uso desses acessórios. 

Cabelos oleosos não precisam de hidratação: mentira. Os cabelos oleosos também precisam de hidratação, principalmente para evitar o enfraquecimento dos fios. O ideal é usar produtos específicos e aplicar somente do meio até as pontas.


Então, meninas, conteúdo não falta, né?
Eu mesma vou procurar um xampú desses para mim, pois tenho os fios bastante oleosos.
Alguma de vocês tem alguma outra dica que funciona? Comentem!

Beijo beijo!

7 comentários:

  1. Olaaa, eu tenho cabelo cacheado...entao sofro com o ressecamento, mas qd ele era alisado era muito oleoso tbm ai eu usava shampoos especificos e lavava diariamente. Bjs

    ResponderExcluir
  2. tenho que lavar meus cabelos todooos os dias..se pular um e torcer o cabelo o oleo escorre HAHAHAHAAH pior é tão feio né devemos cuidar sim !

    ResponderExcluir
  3. nao tenho problema com nada no meu cabelo
    beijos e obrigada pela dica

    ResponderExcluir
  4. Puxa super informativo seu post! Muito legal. Meu cabelo é sei lá, misto? Tem dias que está mais oleoso, outro menos. Acho que depende muito até da alimentação. Adorei!

    Se puder me visita, e ia amar se vc me seguisse!

    http://mundodesana.blogspot.com.br

    Bjinho!

    ResponderExcluir
  5. Oie,
    Passando por aqui pela primeira vez e já achando um post que tem tudo a ver com meus problemas capilares rsrs
    Meu cabelo é mega oleoso eu até desisti por muito tempo de usar cremes e condicionadores...
    dicas anotadas e seguindo seu blog
    Prazer em conhece-la bjoss

    ResponderExcluir
  6. Amandinha super adorei as dicas e mais ainda saber esses mitos e verdades, pois acabamos por ficar presa a esse tipo de coisa. Graças eu não tenho um cabelo mto oleoso mas tenho amigas e minha mãe q sofreem com isso..
    bom fim de semana
    bejooos

    ResponderExcluir
  7. Oi Amanda adorei o seu blog estava buscando dicas assim.
    Espero sua visita no meu o superbonitass.com
    Bjos

    ResponderExcluir

Vou adorar saber sua opinião!