Hei, olhe para você e seja o seu próprio referencial!

Hei, olhe para você!
Se eu pudesse me auto aconselhar nessa vida, era isso que eu diria.
Por todos aqueles momentos que duvidei de mim mesma. Olhe para você!
Por todos os momentos que eu não fui um bom referencial. Olhe para você!
Por todas as vezes que perdi em uma comparação. Olhe para você!
Olhe para você!
Olhe o quanto você é completa. Olhe o quanto o seu sorriso alegra o dia de alguém. Olhe como sua própria companhia te faz bem.
Hei, olhe para você, suplico!
Olhe como seu cabelo bagunçado e sua cara de preguiça ao acordar fazem parte de quem você é. A vida não é a novela onde todos acordam maquiados. Se, na sua vida, você acordar maquiada, não se iluda, você não é atriz global estrelando uma novela de sucesso. Você, provavelmente, terá a aparência de um panda, tão terrível, que fará com que você ria de si mesma.
Ainda assim, persista. Olhe para você!
Se olhe como o panda descabelado, mas também se olhe como a princesa em dia de baile.
Se olhe no auge do cansaço, reconheça suas olheiras, rugas, cabelos brancos. Mas não se esqueça, olhe para você. Olhe e se lembre que suas olheiras são de noites mal dormidas por ter ficado olhando seu bebê dormir tranquilo, ou por qualquer outro motivo que seja. Admita que o tempo passa para todos e que você não é a única a ter rugas e cabelo branco.
Olhe para você e reconheça o que VOCÊ gostaria de mudar. Mude por você!
Todas as vezes que me senti feia na escola perto de amigas bonitas; todas as vezes que não quis usar aquela roupa LINDA-SENSAÇÃO-DO-MOMENTO porque senti vergonha; todas as vezes que me afastei daquela paixão platônica por vergonha de mim mesma; todas as vezes que evitei piscina pra não ter que expor meu corpo... todas as vezes.
Ah, como eu queria estar lá dizendo pra mim: "Hei, olhe pra você!"
"Levanta esse rosto, endireita essa coluna, olha pra frente e vai."
Vá ser feliz.
Vá ser amada.
Vá se divertir.
Vá viver a sua vida. Sua única vida.
Corra em direção a você, olhe para você e se ame por dentro!
Permita-se viver esse amor de verdade.
E todas as vezes que a dúvida bater...
Hei, olhe para você e seja o seu próprio referencial!


Precisamos acreditar mais em nós mesmos! 
Que valha a reflexão.

Um beijo

2 comentários:

  1. Que reflexão! Perfeita!

    Por isso que me jogo mesmo!

    Bjokssssssssssssssssss!

    Blog: Vida Doida... E Cheia de Curvas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada lindeza pelo carinho!
      Beijosss

      Excluir

Vou adorar saber sua opinião!